Hoje é sábado

Captura de Tela 2014-08-26 às 18.56.53

O sábado de frio no sul do país promete. Um bom dia para ouvir o segundo CD do Terno. Gosto deles desde que eram pequenininhos, tempo do primeiro disco, “66”. O segundo, que leva apenas o nome da banda, cresceu. São doze canções com letras contundentes de Tim Bernardes. Não queria falar aqui que ele é filho do Maurício Pereira, dos Mulheres Negras, mas falei. Gosto desse novo trabalho do início ao fim. Adoro músicas que começam assim: “Pare/Você não vê que está me torturando?/Pare/Não faça mal a quem sempre lhe fez bem”  (“Bote ao Contrário”) ou “Eu confesso/Que gosto das moças do bairro onde moro/Do estilo indie-hippie-retrô-brasileiro/Que habitam os bares e ruas daqui” (“Eu Confesso”). Enfim, sábado de frio e Terno.

Captura de Tela 2014-08-29 às 09.09.51

Quando entrevistei o físico Marcelo Gleiser, há alguns anos, e perguntei a ele qual era a revista científica que mais gostava, tinha certeza que responderia “The New Scientist”, “Science” ou “American Scientific”. Nada disso, ele respondeu: “A National Geographic”. Foi ai que comecei a prestar mais atenção na revista. O número de setembro da edição brasileira, que está chegando às bancas, tem um dossiê sobre comida no mundo, exemplar. Vale a pena ler e guardar.

Captura de Tela 2014-08-29 às 22.45.20

 

Para quem gosta de carro antigo, a Editora Abril está colocando nas bancas uma série de três revistas especiais. A primeira, sobre os carros dos anos 60, é um luxo só. Lá estão o Karman-Ghia, a Rural Willys, o Aero-Willys, o Dauphine, o Fusquinha, o DKW e muitos outros. Depois virão os carros dos anos 70 e 80. Para colecionador.

Captura de Tela 2014-08-25 às 22.01.13

Uma sugestão de filme: “O Mercado de Notícias”, com direção de Jorge Furtado, é um documentário sobre o jornalismo atual, que vale por muitas e muitas aulas de uma boa faculdade. Com depoimentos de treze jornalistas, entre eles Geneton Moraes Neto, Mino Carta, Bob Fernandes, Paulo Moreira Leite, Renata Lo Prete, o filme nos faz pensar sobre o começo, o meio e o fim do jornalismo. Dois episódios em particular, são destaque: O episódio da bolinha de papel na cabeça do então candidato a presidência da República, José Serra, e a história do “quadro” de Picasso numa agência do INSS em Brasília, que o jornal “Folha de S.Paulo” bancou e só deu o “erramos” dez anos depois. Implerdível.

Captura de Tela 2014-08-26 às 19.38.00

A dica de leitura é o livro “Aos 7 e aos 40”, de João Anzanello Carrascoza, editado pela Cosac Naif. Meio crônicas, meio contos, meio biografia. São histórias deliciosas que vão costurando uma vida, dos 4 aos 70. A gente lê numa talagada só. Gostei muito.

Captura de Tela 2014-08-29 às 13.18.12

E um recadinho para quem estiver em Londres. A exposição “Matisse Cut-Outs”, na Tate Modern, só vai até 7 de setembro. Quem estiver por ai, não dá pra perder.

[fotos Reprodução]

 

Um comentário em “Hoje é sábado

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s