ELA

O jornal O Globo anunciou, na semana passada e com grande entusiasmo, que a partir do domingo, dia 10, a revista de fim de semana – Ela – chegaria reformulada às mãos dos leitores. E chegou. Quem ontem folheou a revista, percebeu algumas mudanças gráficas. A revista ficou bonitinha, mas continua ordinária. Para quem acompanha com entusiasmo as revistas de fim de semana dos principais jornais do mundo – The Sunday Times Magazine, El País Semanal, Robinson (do La Repubblica), Süddeutsche Zeitung Magazine, M (do Le Monde) e The New York Times Magazine – para citar apenas algumas, teve, mais uma vez, uma grande decepção. A nova revista Ela, de O Globo, tem conteúdo jornalístico de aproximadamente 0,01%. Trata-se praticamente de um catálogo de compras, recheado com  poucas, muito poucas “matérias” fúteis. A nova Ela continua sendo um nada, apenas um folheto dentro de um jornal de domingo. Serve para dar uma folheadinha na praia e jogar fora.

[foto/montagem Reprodução]

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s