CHEIRO DE LIVRO

Sim, o mundo moderno nos levou ao Spotify, ao Smartphone, ao Kindle. Nos levou a praticidade de comprar qualquer coisa apenas clicando enter. Mas ainda há os que resistam, aqueles que insistem em comprar um disco numa loja de discos, a ligar do telefone fixo e a ler um livro de papel, comprado numa livraria. Livrarias, uma história da leitura e de leitores, editado caprichosamente no Brasil pela Bazar do Tempo, é um guia romântico para aqueles que ainda entram em livrarias para se deleitar com as ofertas que são tantas, a beliscar as orelhas, descobrir preciosidades. O espanhol Jorge Carrión faz um passeio por livrarias históricas em várias partes do mundo, escrevendo quase que um saboroso conto sobre cada uma. A vontade que dá é de fechar o livro e sair por ai procurando nossas velhas livrarias que, infelizmente, são cada vez menos na nossa cidade. O prazer pela leitura, pelo ambiente das livrarias, suas histórias fabulososas, Carrión reuniu tudo isso num volume de quase 300 páginas que a gente vai saboreando cada uma delas.

[foto Reprodução]

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s