JÁ VAI?

O caderno L’Époque, do jornal Le Monde, publicou neste fim de semana uma matéria de capa muito atual e interessante. Ela mostra que, apesar do avanço da tecnologia, das novas invenções que são pensadas para o homem ganhar tempo, os empregados ficam, cada vez mais, no seu local de trabalho. Pessoas assinam contrato de sete horas de trabalho e costuma trabalhar (ou ficar no local de trabalho), nove, dez horas. A competitividade entre os colegas de trabalho e o medo de perder o emprego são as causas principais dessa paranóia. Curiosamente, um livro foi chamado Trabalhar duas horas por dia, foi relançado na França neste início de ano e mostra que se fosse para produzir estritamente o necessário, o homem não precisava trabalhar mais que duas horas por dia.

[AV]

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s