CENSURADO!

Era assim naqueles anos 1970. Um jornal colocava tarja preta nas partes de um texto mutilado pela censura do regime militar, outros, publicavam receitas de bolo que nunca davam certo. Uma revista espalhava diabinhos e a arvorezinha, símbolo da editora, por suas páginas censuradas. Outros simplesmente calavam-se. Ontem, a assombração da censura voltou a espalhar o medo por essa nau sem rumo chamada Brasil, quem sabe Brazil. Quando a revista Veja espalhou fake news pelo país afora, dizendo, por exemplo que as Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia – as Farc – estavam financiando o Partido dos Trabalhadores, ou que Cuba de Fidel estava enviando dólares para o mesmo PT, em garrafas de uísque, juiz nenhum se preocupou em mandar recolher a revista. Ela circulou livremente com a mentira, espalhando o absurdo para os eleitores menos avisados que, alguns anos depois, acabaram elegendo esse desgoverno que está ai e com fortes sintomas de regime militar. Se a revista Crusoé mentiu, abra um processo contra ela. Ganhe na Justiça o direito de resposta. Se ela mentiu, será desmoralizada por suas próprias palavras. Mas não, o juiz Alexandre de Moraes mandou, de uma canetada só, a Crusoé e o site Antagonista retirar do ar a reportagem que o seu colega de trabalho, Dias Toffoli, aparece numa planilha da Odebretch (segundo a revista) com o codinome “amigo do amigo do meu pai”. Com palavras sempre bordadas usadas pelos juizes, tudo fica parecendo normal nas penas de Moraes. Mas a palavra correta é censura. [AV]

[fotos Reprodução]

 

Um comentário em “CENSURADO!

Deixe uma resposta para Maria Inês Cancelar resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s