UM LIVRO

Tive a sorte, o desejo e a felicidade de ler todos os livros do Chico, desde Fazenda Modelo, Gota D’Água e Chapeuzinho Amarelo. Não quero colocar em ordem de preferência, dizer que adorei Budapeste e que ó estranhei Estorvo. Mas, na semana que nosso herói faturou o Camões, o maior prêmio literário de língua portuguesa, recomendo aqui O Irmão Alemão. Talvez porque tenho perguntado as pessoas e sinto que muitas ainda não leram. Não sei bem porque. É uma história fascinante, contada de uma maneira fascinante. Tenho uma história particular para contar. Quando trabalhava no Fantástico, lembro-me bem quando o repórter Geneton Moraes Neto saiu para entrevistar o Chico. No final da entrevista, ele perguntou pelo tal irmão alemão dele. A história era um tabu, na época, um segredo guardado a sete chaves. Chico ficou extremamente irritado com o Geneton e a entrevista acabou ali. Quando soube que Chico estava escrevendo um livro sobre o tal irmão alemão dele, lembrei-me imediatamente da cena do Geneton, visivelmente desapontado diante do compositor e escritor. Corra, compre, peça emprestado, mas não deixe de ler O Irmão Alemão, de Chico Buarque, editado pela Companhia das Letras. Em todas as boas casas do ramo que ainda existem.

AV

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s