UM LIVRO

No meio jornalístico, quando o nome do mineiro Nirlando Beirão é citado, logo vem aquela enxurrada de adjetivos: Texto impecável! Maravilhoso! Incrível! Irretocável! Não é por menos. Por onde andou, Nirlando sempre deixou sua marca registrada, a elegância e a inteligência do texto. Agora, aos setenta anos, Nirlando, acometido por uma doença degenerativa do neurônio motor, nos presenteia com um livro emocionante e tão impecável quanto os seus textos, espalhados nas últimas décadas nas páginas do Jornal da Tarde, da Isto É, da Status, da Wish, da Playboy, da Senhor, da Carta Capital, etc etc etc. Nirlando passeia, com humor e categoria por sua Minas Gerais, de Oliveira a Belo Horizonte, chegando a São Paulo, descrevendo a história e as estórias de seus avós, da sua vida, seus desejos, vitórias e frustrações, além da doença. Um livro que a gente acaba de ler e tem vontade de ler novamente, com um Stabilo Boss amarelo na mão. (AV)

[Meus começos e meu fim, Companhia das Letras]

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s