OS COLUNISTAS

Nos anos 1980, 1990, os colunistas de economia dominavam as páginas dos jornais impressos, que eram fortes e saudáveis. Eles estavam também nos telejornais, praticamente em todos, ditando normas e fazendo previsões para o futuro próximo e longínquo. Parecia praga. Com a chegada do Real, o panorama mudou. Deixaram de falar na maldita inflação, congelamento, desvalorização, dólar turismo, dólar no black, URV, overnight, overdose. Os colunistas foram migrando para a política. De colunistas de economia viraram, de repente, colunistas de política. Aos poucos, a praga foi se espalhando pela plantação e hoje, basta abrir os jornais, fracos e doentes, para saber a opinião de mil e um colunistas. Na televisão, principalmente a cabo, é a mesma coisa. Discutem política vinte e quatro horas por dia. Foram esses colunistas, unidos como se fosse um cartel, que fizeram das tripas coração para derrubar o governo do Partido dos Trabalhadores. Lá, na primeira eleição de um ex-torneiro mecânico, pareciam ter certeza que tudo daria errado. Como ter um presidente que não fala inglês? Aconteceu o contrário. O ex-torneiro mecânico virou um estadista, foi parar nas páginas da Time, do Financial Times, do New York Times. O sucesso foi tão grande que foi eleito novamente e fez o seu sucessor, uma mulher, uma, duas vezes. Os colunistas, prevendo a volta do torneiro mecânico ao poder, em pânico, deram corda para um golpe muito bem tramado e, apesar do boicote político de Senado e Câmara, eles parecem que se reuniram numa só voz para derrubar duas letras: O P e o T. E assim foi.Os colunistas acreditavam que bastava tirar a esquerda da frente, que os empregos nasceriam como tulipas nos campos dos países baixos. O nosso dinheiro se valorizaria, o poder de compra explodiria, os empregos bateriam à porta de cada brasileiro. Um dia, respiraram aliviados, Isso já fazem quase três anos. Eles juram, até hoje, e de pés juntos, que não são os responsáveis, ou fazem parte desse golpe, que nem chamam de golpe. Eles fingem acreditar que  não são um dos responsáveis pela tragédia econômica e moral que se abateu sobre nós. Sim, não são os únicos responsáveis, mas deveriam, pelo menos, tirar o rabo que está escondido entre as pernas. [AV]

Um comentário em “OS COLUNISTAS

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s