SEM COMENTÁRIOS!

Houve um tempo, ainda sem TV à cabo, que reclamávamos muito da falta de opinião na televisão. Os telejornais eram pasteurizados, frios, apenas informativos. Nos anos 1990, surgiu na televisão brasileira, o primeiro âncora, Boris Casoy, que saiu do jornal impresso para a televisão, mais precisamente o TJ Brasil. Lá, criou o bordão “isso é uma vergonha” e o hábito de comentar as notícias. A Globo manteve seu estilo, sem comentários, sem opinião. Até que surgiu a GloboNews, transformada hoje em um amontoado de comentaristas. Dois meses sem ministro da Saúde. Vamos ao comentário de Andreia Sadi. Busca e apreensão na casa de Paulinho da Força. Vamos ao comentário de Valdo Cruz. O vice-presidente Hamilton Mourão acaba de dar uma coletiva. Vamos ao comentário de Fernando Gabeira. O Brasil ultrapassa os 75 mil mortos pelo coronavírus. Vamos ao comentário de Ana Flor. O dólar caiu. Vamos ao comentário de Miriam Leitão. Bolsonaro testou positivo novamente. Vamos ao comentário de Cristiana Lôbo. Gilmar critica Forças Armadas. Vamos ao comentário de Gerson Camarote. Bolsonaro está em silêncio há 15 dias. Vamos ao comentário de Merval Pereira. Chega! Sem comentários!

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s